This page is part of © GIRAFAMANIA website / Esta página é parte do sítio GIRAFAMANIA

FILTROS

Filtros são acessórios para fotografia com várias finalidades diferentes, como técnica ou simplesmente para efeitos criativos. Para se adquirir um filtro é preciso primeiramente saber o diâmetro de sua objetiva, essa informação está escrita na própria objetiva e é simbolizada pôr um número e uma circunferência cortada pôr um traço (sinal de diâmetro).

O conhecimento e aplicação das propriedades dos filtros em fotografia, é da maior importância devido, fundamentalmente, aos controles de contraste e compensação que eles nos permitem.

Os filtros podem ser feitos de vidro ou gelatina e funcionam deste modo: um objeto possui uma aparência colorida porque, ao incidir luz branca (que contém todas as cores) sobre ele, ocorre a absorção de algumas delas e só as cores restantes são refletidas, e podem ser vistas. Os filtros atuam do mesmo modo, permitindo a algumas cores chegar até o filme, enquanto bloqueiam a passagem de outras.

O filme pancromático é sensível à todas as cores captadas pelo olho humano, mas são interpretadas como vários matizes de cinzas pelos filmes em preto e branco. A emulsão, no entanto, não apresenta uma reação uniforme às cores; se comparada ao olho humano é super-sensível ao azul, e sub-sensível ao verde e ao vermelho; assim, o céu azul, por exemplo, tende a aparecer claro na foto.

Regra: OS FILTROS COLORIDOS NA FOTOGRAFIA P/B, CLAREIAM SUA PRÓPRIA COR, ESCURECENDO AS CORES OPOSTAS. Esta regra ou conceito, nos coloca claramente à base das leis da teoria da cor-luz em relação direta com as cores primárias e secundárias.

Estrela das Cores Complementares

Estrela das cores complementares.
Imagem produzida por Sérgio Sakall.
volta ao topo

Como exemplo, podemos anotar:

Usamos sempre um filtro amarelo para acentuar as nuvens numa paisagem. Por que? Porque o filtro amarelo escurece a porção azul do céu, visto que o azul é oposto ou complementar do amarelo. Só que, o céu não é azul, o céu é cyan, ou seja, a composição do verde e azul, é que é oposto ou complementar do vermelho. Conseqüentemente, um filtro vermelho no lugar do amarelo produzirá um efeito mais energético e sensível, escurecendo profundamente o céu.

Os filtros fotográficos se encontram em diferentes densidades que vão de fatores de 1 até 4 para P/B, absorvendo quantidades proporcionais de luz que devemos compensar se a fotometria não é feita através da objetiva.

O controle de contraste em P/B utilizando filtros, depende também das cores e suas diferenças entre si. Por exemplo, se estamos fotografando uma garrafa vermelha sobre um fundo azul, podemos aumentar a diferença de contraste com filtro.

Qual?

Se utilizarmos um filtro vermelho sobre a objetiva, teremos a garrafa mais clara na cópia final e o fundo azul profundamente escuro. Se, pelo contrário, utilizarmos um filtro azul, obteremos uma garrafa escura sobre um fundo mais claro.

Na fotografia colorida a aplicação dos filtros tem como finalidade primária compensar a qualidade de luz incorreta para a emulsão fotossensível utilizada ou criar dominantes coloridas propositais ou ainda intensificar a saturação de uma ou outra cor do assunto, etc.

Os raios ultravioletas (UV) são perniciosos para o contraste e definição fotográficos. Para isso existem dois tipos de filtros que absorvem o UV. O filtro Sky Light para filmes coloridos e UV para P/B.

A eliminação de reflexos indesejáveis de superfícies não metálicas ocorre por conta do filtro chamado de Polarizador, que só permite a passagem de raios luminosos que vibram perpendicularmente a superfície do filtro. Na fotografia colorida é de grande utilidade para obter maior saturação e aumentar a relação de contrastes entre as cores.

Exposição dos Filtros:

Como o filtro impede que uma parte da luz atinja o filme, a exposição deve ser aumentada, e quanto mais escuro o filtro, maior exposição necessária como compensação. A medida do aumento da exposição denomina-se fator do filtro. Por exemplo, um filtro de fator 2 implica uma duplicação da exposição.

X2 = 1 ponto. X3 = 1 e ½ ponto. X4 = 2 pontos. X8 = 3 pontos.

Basicamente existem seis tipos de filtros: os de proteção, o polarizador, o de correção de cor, os para mudar o contraste em preto e branco, os de efeitos criativos e os filtros Close-up.

Filtros CLOSE-UP ou Lentes de Aproximação + 1, + 2, + 3 e + 4:

Câmeras com lentes normais não nos permitem aproximar de uma dist6ancia mínima do objeto a ser fotografado. Estas lentes são montadas em frente as lentes normais, permitindo a aproximação dos objetos e de fotografar detalhes que seriam impossíveis de captar com lentes comuns.

São lentes de aumento usadas para focarem objetos pequenos, substituem as objetivas macro. São opções mais baratas para quem quer fazer fotos macro, pois são lentes de aumento que possibilitam que o foco mínimo das objetivas fique mais próximo.

Essas lentes possibilitam um bom foco, mas ocasionam uma grande distorção de borda nas fotografias. Rosqueadas na objetiva comum com vários níveis de aproximação, o fotógrafo, querendo usar duas lentes, sempre deverá colocar na objetiva a lente de número maior primeiro.

Esses filtros podem ter diversas graduações de aproximação, não sendo aconselhado o uso dos mais potentes pelo problema das bordas já citado.
volta ao topo


Filtros para Filmes Coloridos

Correção de Cor – Nesse caso os filtros tem o papel de “consertar” a temperatura de cor para cada tipo de filme. Por exemplo: quando se fotografa com uma luz de tungstênio e se esta usando um filme para luz do dia precisa-se transformar essa luz amarela em azul, então coloca-se um filtro azul de densidade igual a do tom amarelo da luz, assim uma anulará a outra.

Filtros de Proteção – São filtros neutros, que não interferem na foto e devem permanecer colocados na objetiva, e são indispensáveis para a preservação das mesmas, contra sujeira, colisões etc. Alguns modelos existentes no mercado: Filtro UV – ultravioleta, o Skylight, o 1A (âmbar) entre outros.

Filtros 1A e 1B SKYLIGHT – Fator 1.0:
Efetivamente absorve raios ultravioletas e alguns raios azuis. Previne a fotografia de ficar excessivamente azul. Esse filtro também protege as suas lentes por isso recomendamos que sempre fique sobre as lentes da câmera.

Filtros 85 A – ACORAL e 85 B – BCORAL – Fator 2.2:
O filtro 85 A compensa o filme tipo A (3.400°K) para a luz do dia. Sem o filtro a foto ficará muito azul. O filtro 85 B converte o filme tipo B (3.200° K) para a luz do dia. Sem o filtro a foto ficará muito azul.

Filtros 80 A AZUL ESCURO – Fator 3.2 e 80 B AZUL MÉDIO – Fator 3.0:
O filtro 80 A compensa filmes para a luz do dia para temperaturas abaixo de 3.200° K, luz de SPOT e lâmpadas caseiras. Sem o filtro a foto ficará muito vermelha. O filtro 80 B converte filmes para a luz do dia para fotografias abaixo de 3.400° K. Sem o filtro a foto ficará avermelhada.

Filtros 81 A AMARELADO LUZ CORAL e 81 B LUZ CORAL – Fator 1.2:
O filtro 81 A compensa o tipo de filme B para uso com lâmpadas de 3.400° K. Usado para dias nublados ou para flash eletrônico. O filtro 81 B compensa o filme tipo A ou B para o uso de bobinas de flash. Usado para tirar fotos na sombra. Promove maior interpretação da cor com a luz do sol atrás do objeto.

Filtro 82 A LUZ AZUL – Fator 1.5:
Para compensar o filme tipo A sobre a luz com a temperatura da cor de 3.200° K , como as lâmpadas de casa. Também usado para compensar a temperatura da cor sobre condições avermelhadas de luz, na amanhecer e entardecer.

FILTROS RESULTA+CLARO RESULTA+ESCURO FINALIDADES
AMARELO amarelo e pouco o verde pouco o azul

Escurece o céu e proporciona grama mais clara.

VERDE CLARO amarelo e verde azul Idem acima, só que com maior contraste.
VERDE verde vermelho e azul Temas com grande concentração de verdes que aparecem muito escuros.
LARANJA amarelo, laranja e pouco o vermelho azul e pouco o verde Céu escuro, realça as nuvens e a textura das pedras e da madeira.
VERMELHO vermelho azul e verde Céu contrastado; resulta em maior contraste a maioria das cenas em geral.
AZUL azul vermelho e pouco o verde Realça as névoas.
ULTRA-VIOLETA (UV) elimina o Ultra-Violeta Penetra na névoa, permite boa visão a grande distância.
POLARIZADOR Reduz os reflexos das superfícies não metálicas, como vidro e água.
volta ao topo

Filtros de Efeitos Especiais ou Filtros Criativos

Essa parte dos filtros é um assunto muito subjetivo, pois cada fotógrafo possui um objetivo na busca de um efeito. Os mais comuns, são geralmente os de “estrelinha”, os metade neutros e metade em cor, os prismáticos e os de múltipla imagem. São eles:

Filtro POLARIZADOR – Esse filtro serve para anular alguns reflexos de luz como, por exemplo, o de uma vitrine. Isso acontece graças ao seu mecanismo composto por dois filtros circulares que apresentam venezianas invisíveis que alteram as incidências dos raios luminosos que entram na objetiva. Usado para tirar o reflexo de mármore, pedra molhada, espelho etc. Porém, o filtro polarizador não funciona se estiver de frente para o objeto, é necessário estar num grau qualquer diferente. No caso do polarizador e outros filtros que possuem alguma coloração, deve-se saber o fator filtro, que é a quantidade de luz “roubada” por ele. Como consequência desse efeito de se tirar o excesso dos reflexos, o polarizador aumenta a saturação das cores e também o contraste dos cinzas na foto. Por exemplo: num dia extremamente claro, consegue-se um azul do céu muito mais intenso do que a realidade utilizando-se este filtro. Nas paisagens, este filtro deixa as cores mais fiéis...

Polarizante tipo Linear – Fator 3.0 – Efeitos: O filtro polarizador muda a luz natural em condição polarizada ou regula a intensidade de entrada da luz palarizada através da rotação do eixo do filtro. Reflexos de superfícies não metálicas como água, vidro etc, ou a luz azul do céu são condições de luz polarizada. O uso do filtro servirá para regular tais reflexões.

Filtro CIRCULAR PL – Fator 2.0 – É similar ao filtro polarizador comum, só que os raios não são lineares e sim circulares depois de passarem pelo filtro palarizante circular. Ele elimina possíveis erros de exposição, os quais podem ser produzidos pela luz polarizadora dos raios em câmeras do sistema TTL que usam espelhos fixos.

Filtros CC F-TB – Fator 2.5 e CC F-Dl – Fator 2.0 – Estes dois filtros são desenhados para serem usados em conjunto com filmes de tungstênio (tipo B) e filmes coloridos para luz do dia respectivamente. Cada tipo reduz o esverdeado da luz fluorescente e produz resultados naturais, particularmente na foto de pessoas.

Filtro DIFUSOR – tipo Difusão – Fator 1.0 – Este filtro é feito de lentes óticas transparentes e sem cor, tendo uma superfície irregular causada por tratamento especial. A refração da luz cria efeitos leves na foto. Particularmente em retratos de mulheres ele tem o poder de expressar uma atmosfera delicada mais efetivamente. Também escondem as rugas ou manchas da pele das pessoas.

Filtros DUTO e DIFF-II – Fator 1.0 – O “Duto” é um filtro de lentes ópticas transparentes e sem cor, com círculos concêntricos na superfície; enquanto que o “Diff-II” tem a superfície ondulada. Servem para produzir efeitos leves no foco. Estes efeitos são usados em retratos.

Filtros CROSS SCREEN (4X), 6X CROSS e 8X CROSS – Fator 1.2 – Adiciona formas cruzadas de luz (chama) em uma seção de fotografia (alto ponto de luz). É usada tanto para fotografias diurnas como noturnas. O 6X CROSS tem seis pontos de chama e o 8X CROSS tem 8 pontos. Filtro de peso normal, com triângulos desenhados por linhas, que causam um efeito de estrelas * de 2, 4, 6, 8 ou mais pontas, em cada ponto de luz da cena.

Filtro PARALLEL SCRERN SET – Vari Cross – Filtro com linhas paralelas em sua superfície para produzir efeitos paralelos. Um variável efeito com traços paralelos de luz pode ser obtido com a combinação de dois filtros.

Filtro FOGGILIZER – Fator 1.0 – Um filtro único que cria efeitos leves e suaves rapidamente e facilmente quando luzes fortes aparecem na cena. Não há necessidade de compensação na exposição quando usamos este filtro.

Filtro CHANGEABLE COLOR – Fator 4.0 ~ 5.0 – Disponível em 5 tipos Y-R, Y-G, G-R, B-Y e R-B. Usar cada um desses filtros em combinação com um filtro polarizador comum. Girando o filtro mudamos uma cor primária para outra cor primária. Exemplo: de uma cor primária qualquer, girando-se o filtro vai se obtendo outros tons na cor até a mudança para outra cor primária.

Filtro COLOR VIGNETTE – Fator 1.0 ~ 1.5 – Filtros com bordas coloridas e centro transparente. Disponível nos tipos: amarelo (Y-V), laranja (O-V), vermelho (R-V), verde (G-V), violeta (U-V) e azul (B-V). Usado para fotos de retrato e paisagens.

Filtro WONDERCOLOR – Fator 4.0 ~ 5.0 – Disponível em 4 tipos Y-P, B-P, R-P e B-C. Cada um desses filtros é usado com um filtro polarizador comum. Girando o filtro polarizador ocorre uma mudança da densidade da cor produzindo belos efeitos coloridos.

Filtro SPECTRACOLOR SET – Fator 4.0 – Um conjunto de filtros, vermelho, azul e verde para exposição tripla de fotografias. Cria fotografias em espectro em que objetos em movimento são transformados num espectro de cores enquanto que na mesma cena, serão captadas as sombras naturais dos objetos parados. Procedimento: 1) Câmera montada no tripé, 2) Exposição correta pré-determinada, 3) Uma exposição deve ser tomada em cada um dos 3 filtros na mesma foto.

Filtro DUAL IMAGE – Fator 1.0 – O filtro tem metade completamente preta e a outra transparente. Desenhado para fotografias com múltipla exposição. Usado especialmente para fazer fotografias em que as pessoas se tornem ridículas, deformadas ou transformadas. Procedimento: 1) Gire o filtro para bloquear a metade da foto, 2) Tome a primeira exposição, 3) Rode o filtro para bloquear a outra metade da foto, 4) Faça a segunda exposição.

Filtro RAIMBOW CIRCLE – Fator 1.2 – O desenho único deste filtro faz com que as luzes captadas na cena expludam num espectro de cores enquanto se mantém a forma do objeto. Para cores extremamente fortes recomendamos usar dois filtros juntos. Este filtro também pode ser usado para criar fotos apelativas, difusas e marcantes.

Filtro DR DIFFURACTION RAIBOW – Fator 1.2 – Estes filtros dão a fotografia um efeito colorido especial. Eles produzem um espectro colorido ao redor de uma forte luz captada na foto. Existem 7 tipos disponíveis: DR-4X, DR-8X, DR-18X, DR-36X, DR-48X, DR-HALO e DR-36XSQ.

Filtro GC GRANDUATD – Fator 1.0 – Uma parte, a metade, é colorida e a outra transparente. A parte colorida cria raios para a linha central do filtro. Disponível em 9 tipos: GC- amarelo, GC- azul, GC- cinza, GC- lilás, GC- magenta, GC- marrom, GC- verde, GC- vinho e GC- violeta.

Filtro SPOT – Fator 1.0 – Este filtro faz com que seja possível desfocar atrás do objeto a ser fotografado, adicionando um toque profissional nas suas fotografias.

Filtros SAND SPOT e SOFT SPOT – Fator 1.0 – O filtro “Sand Spot”, tem uma superfície enfumaçada e o centro transparente, enquanto que o “Soft Spot” é um filtro óptico com uma superfície irregular e o centro transparente. São usados para retratos.

Filtros BI-COLOR e TRI-COLOR – Fator 4.0 – Filtros com pluralidade de cores. bi-color tem meia seção vermelha e meia azul. tri-color tem 3 seções: vermelha, azul e verde. Usados para dar efeitos fantásticos em fotografias cênicas.

Filtro EXOTICOLOR SET – Fator 4.0 – Existem 3 cores deste filtro: mar místico (MM), pink palpitante (PP) e violeta violenta (VV). Usados para enfatizar um grupo particular de cores em fotografias de paisagem ou não.

Filtro FILT-UP – Fator 1.0 – Filtro especial que combina um filtro 1 A com meia seção de lentes de aproximação (CLOSEUP). Ele permite colocar o objeto próximo ou distante em uma composição fotográfica.

Filtro PLANET FILTERS – Fator 1.2 – Este filtro faz com que ao redor do ambiente do objeto que fica em destaque, apareça uma fantástica imagem desfocada. Ele adiciona um toque de sonho a sua foto. Disponível em vários tipos: Saturno, Netuno, Vênus, Marte, Mercúrio e Júpiter.

Filtro DEGRADEE – Metade neutro e metade de uma outra cor.

Filtro ODD OUT – É um filtro que adiciona um toque mágico em sua fotografia. Girando o filtro você pode intencionalmente aumentar parte ou todo o objeto na foto.

Filtro MACRO + 10 – Esta lente quando rosqueada em lentes comuns de 50 mm ou 35 mm SLR, é capaz de meia magnificação e quando rosqueada em lentes 100, 1/1 super Close-up, tirar a foto é possível.

Filtro TRICK – MÚLTIPLAS IMAGENS – As lentes de fotografia Trick, fazem com que você introduza elementos de fantasia em suas fotos, especialmente onde os objetos estão em forte contraste com o fundo. Essas lentes também são usadas efetivamente para fotos em que os objetos refletem muita luz e brilho, flores e pássaros. As fotos podem sair simultaneamente em imagens múltiplas e com uma cor especial. Filtros mais pesados do que o normal, com desenhos em relevo, cujo efeito é a repetição do motivo central. Existem 8 tipos disponíveis (ilustração abaixo): 2 seções, 4 seções, vertical, triângulo, 5 seções, 5 paralelas, 6 seções e 6 paralelas.

Filtros TRICK - MÚLTIPLAS IMAGENS.
Imagem produzida por Sérgio Sakall.
volta ao topo

Filtros para Filmes Preto e Branco

Alteração de Contraste: A maneira técnica de se usar filtros cor, é somente para quando se está fotografando em preto e branco, pois dependendo do filtro usado os cinzas se acomodaram de formas diferentes e portanto mudando o contraste. Para saber que situação usar cada filtro é preciso conhecer o espectro das cores, que são as seguintes:

Todo filtro clareia sua própria cor e escurece a cor oposta. Sabendo isso se obtém resultados muito interessantes como: destacar as nuvens do céu usando um filtro laranja, aumentar a diferença entre os cinzas que o verde e o vermelho representam numa foto, etc.

Filtro UV AMARELO PÁLIDO – Fator 1.0 – Absorve raios ultravioletas e raios azuis sem aumento de exposição. Usado para paisagens coloridas, fotos a distância e usados também como lentes de proteção.

Filtro Y 2 AMARELO MÉDIO – Fator 2.0 – Absorve raios ultravioleta e violeta-azul por forte contraste, especialmente em fotografias de paisagem.

Filtro YA 2 LARANJA MÉDIO – Fator 4.0 – Absorve raios violeta azul e verde para mais contraste. Usado principalmente para fotografias com paisagens distantes ou nuvens.

Filtro R 2 VERMELHO MÉDIO – Fator 8.0 – Absorve raios violeta, azul, verde e amarelo, para um maior contraste. Usado para fotografias infravermelho.

Filtro P 00 AMARELO VERDE – Fator 2.0 – Este filtro é recomendado para filmes do tipo pachromatic, para se tirar fotos a luz do dia e produzir as mesmas bem similares ao que os olhos vêem.

Filtro P 01 VERDE – Fator 4.0 – Absorve raios ultravioleta, violeta, alguma tonalidade de azul e o vermelho escuro para fazer o verde brilhante e o vermelho escuro. Ótimo para delinear o tom da pele e fotografias de mata verde. Usado com filmes do tipo branco e preto pancromático.

FILTROS DE DENSIDADE NEUTRA PARA FILMES COLORIDOS E PRETO E BRANCO

Filtro ND 2 CINZA CLARO – Fator 2.0
Filtro ND 4 CINZA MÉDIO – Fator 4.0
Filtro ND 8 CINZA ESCURO – Fator 8.0
Filtros de densidade neutra (ND) são usados para reduzir o acúmulo de luz sem mudar a absorção da cor. ND 2 transmite 50% da luz, ND 4 25% e ND 8 12,5%.

Entrada principal !
Última atualização: 08/04/2011.
volta ao topo

FOTOGRAFIA
PÁGINA PRINCIPAL
Continua...FOTOGRAFIA