This page is part of © GIRAFAMANIA website / Esta página é parte do sítio GIRAFAMANIA

REPÚBLICA DA LITUÂNIA (09/1991)

ex-República da antiga União Soviética (Union Soviet Socialist Republics – USSR)

Animal-símbolo: ? | Ave Nacional: Cegonha-branca, White Stork (Ciconia ciconia)

Lituania – Lithuania – Lithuanie – Litauen – Lietuva – Lietuvos Respublica
Capital – Vilnius.
Religião – Cristianismo 100% (católicos 80%, outros cristãos 20%) (1995).
Moeda (numismática) – litas (Litas / Lity), “litai” e “litu” são as formas no plural. Código internacional ISO 4217: LTL. Litas é o nome dado à moeda corrente da Lituânia e está dividida em 100 centas? A palavra “litas” deriva de “Lietuva” – o nome do país na língua lituana. Já a antiga palavra “auksinas” deriva de “auksas” que em lituano significa ouro. Skatiku?

Chamadas de Repúblicas bálticas, três países compreendem essa região na costa do Mar Báltico, nordeste da Europa. Desde a Lituânia no sul até a Estônia no norte, encontramos cidades que abrigam muralhas e igrejas medievais e construções do século XIV, sobretudo nas três respectivas capitais. Alguns pontos turísticos são citados abaixo e, ao lado, a Bandeira Nacional da República de cada Nação:

Estônia – Tallinn tem torres e praças praticamente intactas desde o século XV. Abriga as ruínas do convento de Santa Brígida e o palácio do imperador russo Pedro I; hoje, residência do Presidente da República.
Letônia – Riga, maior metrópole do Báltico, famosa por suas igrejas medievais e obras primas da arquitetura art-nouveau de relevância internacional, como o Barroco Palácio de Rundale.
Lituânia – O centro histórico de Vilnius, Patrimônio da Humanidade, abriga o Morro Gediminas, a Catedral com suas três estátuas monumentais no frontão, a Igreja de Santa Ana e a Universidade fundada pelos jesuítas em 1571.
volta ao topo

História

O país tem sua origem na união das tribos lituanas em 1253, quando Mindaugas se faz coroar Rei. Entre os séculos XIV e XVI, a Lituânia torna-se uma das nações mais poderosas do Leste Europeu. Seu território se estendia do mar Báltico, ao norte, até o mar Negro, ao sul. No final do século XVI, o país aceita a dominação polonesa para se defender das ambições russas. Com a partilha da Polônia nas últimas décadas do século XVIII, a Lituânia é dividida entre a Rússia – que fica com a maior parte – e a Prússia.

Durante a I Guerra Mundial, a região é invadida pela Alemanha, que estimula o Conselho Nacional Lituano a proclamar a independência em relação à Rússia, com a intenção de anexá-la posteriormente. A independência é proclamada em 16/02/1918, mas o plano de anexação é abortado em novembro do mesmo ano, com a derrota e capitulação da Alemanha.

Em outubro de 1939, logo no início da II Guerra Mundial, tropas soviéticas invadem o país em consequência do pacto entre a URSS e a Alemanha nazista para a divisão de territórios do Leste Europeu. Em 1940, a Lituânia é anexada à URSS. Em 1941, a Alemanha ocupa a região e massacra cerca de 210 mil pessoas, entre elas 165 mil judeus. Em 1944, durante a contra-ofensiva soviética, o território é retomado. Terminada a guerra, em 1945, o país passa por acelerado processo de mudanças, com a industrialização e a coletivização forçada da agricultura. Cerca de 350 mil pessoas são deportadas.

Um significativo movimento oposicionista surge nos anos 60, reivindicando liberdade política e religiosa. Em meados da década de 80, a orientação reformista adotada pelo dirigente soviético Mikhail Gorbatchov possibilita o crescimento de dissidências. Em junho de 1988 forma-se o Movimento Lituano pela Reconstrução (Sajudis), que lidera manifestações de massa contra a poluição ambiental e a “russificação” do país.

No início de 1990, o Sajudis obtém esmagadora maioria nas eleições para o Soviete Supremo local. O novo Parlamento elege Vytautas Landsbergis, líder do Sajudis, presidente. Em 1991 é proclamada a independência. A URSS não aceita e pressiona o país com um bloqueio econômico. Após a derrota do golpe soviético de agosto de 1991, o novo presidente russo Boris Iéltsin reconhece a independência lituana. Nota: Mikhail Gorbatchov foi quem permitiu a independência da Lituânia.

A Lei da Cidadania, aprovada em dezembro, impõe duras condições às minorias russa e polonesa. Em 1992, Landsbergis convoca um plebiscito com o propósito de ampliar seus poderes, mas é derrotado. O impasse leva à antecipação das eleições, com a vitória de Algirdas Brazauskas, do Partido Trabalhista Democrático, o antigo Partido Comunista.

Adepto da economia de mercado, Brazauskas inicia a uma cautelosa privatização. Em janeiro de 1995, 78% das antigas empresas estatais já haviam sido vendidas. Em setembro de 1993, a Lituânia comemora a saída dos últimos soldados russos de seu território. Em janeiro de 1994, o país ingressa no programa Parceria para a Paz, visando associar-se à Otan. Em maio faz um acordo de livre comércio com a União Europeia (UE), com vista também a uma futura adesão...
volta ao topo


Selos foram emitidos entre 1918 a 1940. O primeiro selo postal data de 1918 (Scott: 1, SG:3), com valor facial de 10 skatiku, traz a inscrição “Lietuvos” (abaixo, lado esquerdo da tela). Nota: Parece que a primeira série, lançada em 1921, é aérea e comemora a abertura do Serviço Postal Aéreo...

Depois, quando a Lituânia foi ocupada, selos alemães “Postgebiest Ost”, Memel 1920-1923 (Alemanha) e selos da “Central Lituânia”, entre 1920-1922 (Polônia)... Ambos exemplos eu não tenho a imagem...

A Lituânia Soviética foi formada em 1940 e seu primeiro selo postal (Scott: 2N9), com valor facial de 2 cnt (laranja; abaixo lado direito), foi remarcado pela Ocupação Russa em um selo “Armas” da Lituânia “LTSR 21/07/1940”, quando a Rússia ocupou a Lituânia.

volta ao topo

Na II Gerra Mundial, de 1941 a 1944, o país foi ocupado pela Alemanha nazista... O primeiro selo da Ocupação Alemã foi emitido em 1941 (SG: 1), com valor facial de 2 copeques (verde), remarcado em um selo da Rússia (não tenho a imagem)...

Como República Socialista Soviética da Lituânia, entre 1944 até sua independência, utilizou selos da antiga União de Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), a qual compreendeu os atuais países europeus: Belarus, Estônia, Federação Russa, Letônia, Lituânia, Moldávia e Ucrânia, ainda os asiáticos: Armênia, Azerbaijão, Cazaquistão, Geórgia, Quirguistão, Tajiquistão, Turcomenistão e Uzbequistão.

Selos são emitidos pela Lituânia desde 1990, pós desmembramento da União Soviética... A primeira série é chamada “Angel”, foi emitida em 07/10/1990 e assinada pelo artista V. Skabeikienė. Abaixo, o primeiro selo postal (SG: 456), com valor facial de 5 copeques (verde).


FILATELIA

Lituanos 80%, russos 9%, poloneses 8%, bielo-russos 2%, outros 1% (1996), compõem a população de nacionalidade lituana. O idioma oficial é o lituano, mas também é falado o russo. Nota: Partilha com os poloneses vários traços culturais, entre eles a predominância da religião católica.

► “Girafa” em diferentes línguas na Lituânia – Žirafa, žirafą (lituano) – zhiraf (russo)
Zoológico da Lituânia, Kauno ou Kaunas (página com inteiros postais da URSS)

Abaixo, cartão-postal datado de 1969 que, provavelmente, deve ser comemorativo a um autor (escritor de contos folclóricos ou desenhista), pois o verso traz um nome em cirílico com a data (1888-1963)... Adquirido de Maurício em 25/09/08.


2011

21/05/2011 – Bloco “Lithuanian Zoo”, LIETUVOS ZOOLOGIJOS SODAS. Artist E. Paukštytė. Offset. Art paper. Souvenir sheet 100,8 × 91 mm. Stamp 29,6 × 38,5 mm. Edition: 0,025 milion. Printed in “Österreichische Staatsdruckerei GmbH” printing-house in Austria (Vienna). Price LTL: 16,00. Nota: Dois blocos adquiridos na D. Miriam em 26/07/11.

4 Lt – Žirafa Giraffa camelopardalis / Giraffe / girafa
4 Lt – Pelikanas Pelicanus / Pelican / pelicano
4 Lt – Žydrataškė ciklazoma Cichlasoma octofasciatum / Electric Blue Jack Dempsey
4 Lt – Baltasis lokys Ursus maritimus / Polar bear / urso-polar

The zoological garden is a unique school of knowledge introducing visitors to natural and cultural values. On the 1st of July 1938, the Kaunas Zoo was officially opened in the Mickevičius Valley under the initiative of naturalist Professor Tadas Ivanauskas. On the 4th of December 1958, the Kaunas Zoo was granted the name of a Republican Zoo. The Zoo of Lithuania belongs to the European Association of Zoos and Aquaria and participates in the Programme on Breeding of Rare and Endangered Species. Also, it is a member of the International Zoo Educators Association and the International Species Information System. The Lithuanian Zoo is a small 15,9 ha park located in the city centre where centennial oaks are growing. The park is decorated by art sculptures. On the opening day, there were only 40 animals that had been brought by Professor Tadas Ivanauskas himself. Some animals were brought as gifts from the zoos of other countries. Nowadays, the number of animals living in the Zoo reaches 2500. More than 10 animal species living in the Zoo are included into the Red List of Lithuania, and more than 100 species are included into the IUCN Red List of Threatened Species. In the Zoo, the animals of 6 classes are kept: insects, fish, amphibians, reptiles, birds, and mammalians.

O jardim zoológico é uma escola única de conhecimento que introduz os visitantes aos valores naturais e culturais. Em 01/07/1938, o Jardim Zoológico Kaunas foi oficialmente inaugurado no Vale Mickevičius, por iniciativa do professor naturalista Tadas Ivanauskas. Em 04/12/1958, ao Zoológico Kaunas foi concedido o nome de jardim zoológico republicano. O Zoo da Lituânia pertence à Associação Europeia de Zoos e Aquários e participa do Programa de Melhoramento Genético de Espécies Raras e Ameaçadas de Extinção. Além disso, é membro da Associação Internacional de Educadores de Zoo e do Sistema Internacional de Informação sobre Espécies. O zoo lituano é um parque pequeno 15,9 ha, localizado no centro da cidade, onde crescem carvalhos centenários. O parque está decorado com esculturas e pinturas. No dia da abertura, teve apenas 40 animais que tinham sido trazidos pelo Professor Tadas Ivanauskas. Alguns animais foram levados como presentes dos zoológicos de outros países. Atualmente, o número de animais que vive no zoo atinge 2.500. Mais de 10 espécies animais que vivem no zoológico estão incluídos na Lista Vermelha da Lituânia, e mais de 100 espécies estão incluídas na Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da IUCN. No zoológico são mantidos animais de 6 classes: insetos, peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos.

First Day Sheet – FDS (Price LTL: 27,30) e First Day Cover – FDC (Price LTL: 21,60).

volta ao topo

Standard ISO: LT – Adesão UPU: 01/01/1922 e 10/01/1992

Lietuvos Pastas (correio)
www.post.lt (lituano)
info@post.lt – www.post.lt/en/ (inglês)

Sítio do Governo – www.lrv.lt (lituano e inglês)
Ministério dos Negócios Estrangeiros – www.urm.lt (lituano e inglês)

Divisão administrativa – 10 distritos subdivididos em 56 municipalidades. Cidades principais – Kauno ou Kaunas, Klaipeda.

Sua costa de 95 quilômetros é famosa desde o tempo do Império Romano por ser fonte de âmbar, resina fóssil amarelada utilizada na fabricação de joias e outros objetos.

O Castelo de Trakai, localizado a 28 quilômetros de Vilnius, capital do Grão-Ducado da Lituânia na Idade Média, foi construído no meio de uma ilhota no lago Galve há seiscentos anos. Esse castelo gótico é, hoje, sede de um museu histórico dedicado à luta dos lituanos contra os Cavaleiros Teutônicos...

Outras cidades – Anyksciai, Birstonas, Druskininkai, Gargzdai, Joniskis, Jurbarkas, Kelme, Krekenava, Kretinga, Kupiskis, Mazeikiai, Moletai, Pakruojis, Palanga, Papile, Prienai, Radviliskis, Rietavas, Sakiai, Salcininkai, Silute, Sirvintos, Svencionys, Ukmerge, Vabalninkas.

GIRAFAMANIA
Última atualização: 27/11/2014.
volta ao topo

LIECHTENSTEIN PAÍSES DA EUROPA
LUXEMBURGO