This page is part of © GIRAFAMANIA website / Esta página é parte do sítio GIRAFAMANIA

EMIRADOS ÁRABES UNIDOS (1971)

Animal-símbolo: Falcão-peregrino?

Lema – “الله, الوطن, الرئيس” – “God, Nation, President”
(“Alá, Nação, Presidente” – “Allah, la nation et le président”)

Brasão de Armas – Foi adotado oficialmente em 1973. É semelhante aos brasões de armas de outros Estados árabes. Consiste em um falcão dourado, ao contrário de outros países árabes, que usam o falcão como emblema do ramo Qureish a que pertencia Muhammed. O falcão vermelho tem um disco que mostra um veleiro árabe no seu interior. O disco é cercado por uma cadeia. O falcão com as suas garras detém um pergaminho com a inscrição do nome da federação. Em 22/03/2008, o brasão foi modificado: o veleiro árabe foi substituído pela bandeira do país rodeada por sete estrelas representando os sete Emirados da federação.

O selo postal abaixo “United Arab Emirates” (WNS nº. UN112.08) foi emitido pela Organização das Nações Unidas (Post United Nations New York) em 8/05/2008 e compreende uma série de oito valores sobre “Coins and Flags”. Bandeira Nacional dos Emirados Árabes Unidos: Usa as cores pan-árabes (preta, branca, verde e vermelha).

Emiratos Arabes Unidos – Emirates Arabes Unis
Nome oficial – Al-Imarat al-’Arabia al-Muttahida.
Capital – Abu Dhabi.
Religião – Islamismo 96% (sunitas 80%, xiitas 16%), outros 4% (principais: cristãos, hinduístas).
Vereinigte Aranische Emirate – Arabie du Sud-Est (Trucial States)
Governo – Federação de monarquias islâmicas (emirados).
Soberano – Sheikh Khalifa Bin Zayed Al Nahyan (desde 2004). Dinastia: Al-Nahyan.
Moeda (numismática) – dirrã emirense ou Dirrã dos Emirados Árabes Unidos, dividido em “fils” (United Arab Emirates Dirhams ou Emirati Dirham). Código internacional ISO 4217: AED. A palavra “dirham” origina do latim “drachma”, a qual veio do grego “drakhm” (do velho grego “drakhme”). Parece que em latim “drachma” significa “uma mancheia”, punhado (uma antiga unidade de peso semelhante a 60 granulados). “Fils” (para moedas) = no árabe a palavra “fals” ou “fils” é derivada do latim “follis” que significa “peça de dinheiro”. Este sistema monetário foi usado na Grécia (anteriormente ao Euro) e, hoje, é utilizado também no Marrocos.

Entre os países independentes, alguns são federações ou reuniões de países. Sete emirados ao longo da costa oriental do Golfo Pérsico formam esse estado árabe, rico em petróleo: Abu Dhabi, Ajmân, Dubai (centro comercial), Fujeira (Al Fujairah), Ras al-Khaimah, Sharjah e Umm-al-Qiwain.

Situado em terras desérticas, permeadas por oásis, o país é formado por sete emirados localizados na entrada do golfo Pérsico. Com reservas de gás e petróleo e um dos principais membros da Opep, os Emirados Árabes Unidos formam um país rico. O governo subsidia a educação e o serviço de saúde.

Desertos planos cobrem a maior parte da paisagem que se eleva até as montanhas de Hajar da península de Musandam. Apenas os oásis do deserto são férteis, produzindo frutas e vegetais. O comércio é dominado pela exportação de petróleo e gás natural.

O regime político, porém, é arcaico. Não há partidos políticos e seu sistema penal inclui até a crucificação. Nos últimos anos cresce no país o fundamentalismo islâmico. Entre as nações muçulmanas, no entanto, é um país tolerante: as mulheres podem dirigir e não são obrigadas a cobrir o rosto, a bebida alcoólica é permitida nos hotéis e há liberdade religiosa.

Nota: Drink – All the Emirates, with the exception of Sharjah, permit the consumption of alcohol by non-Muslims. It is illegal to drink alcohol in the street or to buy it for a UAE citizen.


História Postal dos Emirados Árabes Unidos

No final do século XIX, um tratado entre a Grã-Bretanha e os principais xeques do golfo Pérsico dá aos britânicos o controle sobre os emirados. Iniciando em 1820, a Grã-Bretanha entrou em atrito com vários líderes na área para proteger os seus navios no Golfo e no Oceano Índico.

A área ficou conhecida como “Trucial Oman” ou “Trucial States” porque houve uma trégua de guerra marítima, de acordo com as leis árabes, assinadas pela Inglaterra, em 1853 (a palavra inglesa “truce” significa trégua, suspensão temporária das hostilidades).

A história postal dos Emirados Árabes Unidos começa em 19/08/1909, quando a primeira Agência Postal Sucursal Indiana foi aberta em Dubai, como Agência Postal Sucursal Dubai – resultado de muita pressão por vários anos de comunidades do comércio em Dubai e Karachi. No período, outras agências postais foram abertas na área do Golfo, todas com Administração Postal Indiana, sob leis britânicas, de Karachi – cidade localizada no sul do atual Paquistão. Selos indianos com valores correntes da Índia, rúpias (Rupees) e Annas, foram usados.

Depois da divisão da Índia em 15/08/1947, a Agência Postal Sucursal Indiana foi tomada pelo Paquistão. Selos da Índia remarcados “PAKISTAN” foram colocados em uso...

Em 01/04/1948, uma administração postal em Dubai foi tomada pela administração postal britânica. Selos ingleses com retratos de monarcas como o rei George VI e a rainha Elizabeth II, foram usados.

Em 07/01/1961, um série de 11 selos postais e um aerograma foram comissionados pela Agência Postal Britânica para o uso geral através dos sete Emirados. O primeiro selo (Scott: 1, SG: 1) sob “Estados em Trégua” (Trucial States) foi emitido na cor verde e com valor facial em “paise” – 5 naye paise. Chamado de “Seven Palm Trees”, ele mostra sete palmeiras...

O controle britânico do serviço postal cessou em 1963 e, em 15/06 do mesmo ano, Dubai emitiu sua primeira série de selos postais. Portanto, o Emirado de Dubai marca, por duas vezes, a importância da história postal do país. Primeiro com a Agência Postal Sucursal Dubai, pois nenhum outro Emirado tinha agência postal, exceto Dubai. Depois, em 1963, com seu primeiro selo. Durante os anos de 1963 e 1964, agências postais foram abertas nos 7 Emirados:

EMIRADO DATA EMISSÃO DIRIGENTE INTERESSES
Dubai 15.06.1963 Rashid bin Said? “Pérola do Golfo Arábico”; autoridade postal; zoo; 2º mais rico
Sharjah 10.07.1963 Saqr bin Sultan al Qasimi Khor Fakkan; entrada de turistas; 1º aeroporto; cover de 1925
Abu Dhabi 30.03.1964 Shakbut bin Sultan Capital; “Estado do Petróleo”; Porto Zayed; Ilha Das; o mais rico
Ajman 20.06.1964 Rashid Bin Humaid Al Na’imi Selos da Cia. Baroody; Manamá
Umm al Quwain 29.06.1964 Ahmed bin Rashid al Moalla Selos da Cia. Baroody
Fujeira 22.09.1964 Hamad bin Mohammed al Sharqi Selos da Cia. Baroody
Ras al Khaima 21.12.1964 Shaikh Saqr? Selos de Harrison and Sons

A partir do final da II Guerra Mundial, muitos países de dominação britânica no Oriente Médio também conquistam sua independência, os Emirados em 1971, pois neste ano, as tropas britânicas retiram-se e os sete emirados formam uma federação, com o nome de Emirados Árabes Unidos.

Seis dos Emirados: Abu Dhabi, Dubai, Ajman, Fujeira, Sharjah e Umm al Qiwain formaram a União Independente dos Emirados Árabes Unidos, em 02/12/1971. Ras al Khaima juntou-se no ano seguinte, em 11/12/1972.

A Presidência é entregue ao xeque Zayed bin Sultan an-Nahyan, do emirado Abu Dhabi, enquanto o posto de Primeiro-ministro fica com o dirigente de Dubay, o xeque Rashid Maktoum (sucedido após a morte, em 1990, por seu filho, Maktoum bin Rashid al-Maktoum).

Em 01/08/1972, o serviço postal dos Emirados Árabes Unidos foi unido sob Decreto Federal e a administração dos Correios Gerais foi estabelecida sob o Ministério das Comunicações. Foi decidido remarcar selos do Emirado de Abu Dhabi com as palavras “UAE” (United Arab Emirates), para ser usado em todos os Emirados.

Selos postais são emitidos pelos Emirados Árabes Unidos desde 1973. O primeiro data de 01/01/1973 (Scott: 1), com valor facial de 5 fils, foi remarcado com a sobrecarga “UAE” em um selo de Abu-Dhabi (SG: 84) e compreende uma série de 12 valores regulares. Ele mostra o retrato de Sua Majestade, o xeque Zayed bin Sultan Al Nahyan, Presidente dos UAE (de 1971 a 2005) e regente de Abu Dhabi – cidade onde está localizado um porto com seu nome, Porto Zayed.

Entretanto o primeiro selo postal grafado com o nome do país foi emitido em seguida, no mesmo dia em 01/01/1973 (Scott: 13, SG: 1), com valor facial de 5 fils o selo mostra a Bandeira dos U.A.E. e o mapa da região do Golfo Árabe. Desde 1973, os Emirados do Leste utilizaram os selos dos Emirados Árabes Unidos...

Em 1981, aliam-se a países vizinhos no Conselho de Cooperação do Golfo (CCG), do qual também fazem parte Arábia Saudita, Catar, Omã, Barein e Kuweit. Em 1985, uma Autoridade Postal foi estabelecida sob Decreto Federal.

Disputa territorial

Os EAU mantêm uma disputa territorial com o Irã em torno da posse de três ilhas. Em 1992, o Irã expulsa os moradores árabes de uma das ilhas. Nessa ocasião, o país compra equipamentos militares no valor de US$ 3,75 bilhões. Até hoje o litígio continua sem solução.

Em abril de 1995, o governo introduz a pena de morte por crucificação para quem disseminar a Aids conscientemente. Em junho de 1996, o Conselho Nacional Federal torna permanente a Constituição provisória, que vinha sendo renovada desde 1986.

Em março de 1997, o xeque Maktoum apresenta sua renúncia e de seu gabinete ao presidente Zayed, que o confirma no cargo e pede que forme nova equipe de governo... Em junho de 1997, o CCG assina acordo com a Síria e o Egito para iniciar a criação de um mercado comum na região...


FILATELIA

Árabes emirenses 25%, outros árabes 23%, sul-asiáticos 50%, outros 2% (1996), compõem a população de nacionalidade árabe. O idioma oficial é o árabe, mas o inglês também é falado.

► “Girafa” em diferentes línguas nos Emirados Árabes Unidos – zarafah (árabe – país membro da LEA) – giraffe (inglês)
► Girafas no Zoológico em Dubai

Pesquisar – Al Kawini faz uma nova classificação segundo os meios de defesa de cada animal.
Um século depois, Kamal al-Din al-Farisi escreve O grande livro sobre a vida dos animais, o mais importante trabalho mulçulmano de zoologia.

“SELOS ILEGAIS”?

Um caso para se pensar é dos Emirados Árabes Unidos... Sempre me disseram que estas emissões que tenho de alguns dos Emirados não valem... Entretanto, alguns deles são numerados no catalogo Michel ou no Yvert... Considerados genuínos, todos os emirados emitiram selos independentes, entre os anos de 1960 até a unificação, quando ocorreu a independência, em 02/12/1971. No ano seguinte, foi emitida a primeira série oficial do país, embora desse curto período de tempo, existam muitos selos emitidos...

Os selos das páginas seguintes sofreram a “proibição” de alguns senhores “entendidos” que os colocaram nas emissões “nocivas” ou “Lista dos Selos Proibidos”. Entretanto, com a presença do checoslovaco na Direção da FIP – Federação Internacional de Filatelia – que em uma conferência de 1986, na Europália’86, desmascarou a “tramoia” desses senhores (um vendedor da Suíça e outro da Alemanha)...

Os ditos, engendraram um sistema de comprar dos Emiratos Árabes toda a emissão de selos do anos: 1970 a 1972, calculando que com a proibição, lista enviada por eles em nome da FIP a todos os comerciantes, clubes filatélicos e federações de filatelia para tornar proibidos certos selos que eles compraram a emissão toda, com o intuito de os tornar proibidos durante 10 ou 15 anos e depois virem vendê-los no mercado filatélico a preços que eles bem entendiam.

Mas o tiro lhes saiu pela “culatra”, pois esses selos só agora estão a ser valorizados, depois que eles morreram, e como em vida não tiveram procura, pois ninguém os colecionava nem sabiam deles, porque os catálogos não lhe faziam menção, tiveram mesmo que se desfazer deles a preços ainda mais baixos do que aqueles que pagaram...

Abaixo, uma série de 7 selos legais, todos com valor facial de 0,50 AED, emitidos em 02/12/2002, para marcar o Dia Nacional 31. Eles foram impressos por Joh Enschede, na Holanda. Cada selo traz o nome de cada um dos 7 Emirados; clique neles e veja a página correspondente com emissões postais...

ABU DHABI

AJMAN STATE e MANAMÁ DUBAI FUJAIRAH ou FUJEIRA

RAS AL-KHAIMAH SHARJAH UMM AL QUWAIN
volta ao topo

Outras emissões:
1974 – Dia Mundial da Literatura. Homem árabe e mulher holding candle over book. Um casal lendo um livro. Scott: 40/42. World literacy day. Arab man and woman holding candle over book. Man and woman reading book.
1983 – Ano Mundial das Comunicações. Livro aberto com uma vela. 1983 – Scott: 179/182. World communications year. Livro aberto com uma vela.
1986 – Mapa. Scott: 09/12. NT
1993 – Descobertas Arqueológicas. Scott: 441/444. Archaeological Discoveries.
1995 – Archaeological Finds, Mulaiha Sharjah. Scott: 476/479. NT
2005 – Acácia

Standard ISO: AE – Adesão UPU: 30/03/1973

Emirates Post – www.emiratespost.co.ae

General Postal Authority – www.gpa.gov.ae

Emirates Philatelic Association – Emirates Postal Museum
www.epmsite.com

Federal Ministry of Information & Culture
PO Box 17, Abu Dhabi, UAE

Stamp and Postal Stationery Sites – www.ohmygosh.on.ca
United Arab Emirates – www.ohmygosh.on.ca/stamps/uae/uaeindex.htm
Yemen Index – www.ohmygosh.on.ca/stamps/yemen/ryemen.htm

Localização do país – sudoeste da Ásia, Western Asia / Middle East. Os Emirados fazem fronteira com o norte pelo Golfo e a Península Musandam, no leste com Omã, no sul e oeste com a Arábia Saudita e no noroeste com o Catar.

Características – região desértica, plana e baixa; vários oásis (interior).

Divisão administrativa – 7 emirados.

Cidades principais – Dubai, Abu Dhabi, Al’Ayn, Sharjah, Ra’s al Khaymah. As principais cidades estão todas margeando o Golfo Arábico, exceto Fujeira, que está na faixa da costa do Golfo de Omã, do outro lado do Estreito de Hormuz.

Outras localidades – As Sufuq, Neutral Zone, Tarif, Ash Shariqah.

Cidade de Al-Ain (Al’Ayn) – Essa região é muito fértil e rica em greenery, with plenty of farms e parques públicos. Muito rica também em ground water, with very numerous artesian wells. The most attractive land marks na região são os parques Ain-Faydah, a Montanha Haffeet, a Cidade Hili Fun, o Zoológico, o Forte Al-Jahili e o Museu Al-Ain.

Área Jabel Ali – é considerada uma das mais significantes das áreas de industria e comércio no the whole country. It has the biggest free trade zone in the Middle East.

GIRAFAMANIA
Última atualização: 01/09/2013.
volta ao topo

COREIA DO SUL PAÍSES DA ÁSIA
GEÓRGIA